0
0
0
s2sdefault

Foto:Arquivo Elo AmigoO Banco Itaú anunciou em dezembro de 2007, o resultado da terceira edição do Prêmio FIES, que repassa o equivalente a 50% da taxa de administração do Fundo Itaú Excelência Social para Organizações Não-Governamentais que desenvolvem projetos sociais na área de educação
Foto:Arquivo Elo Amigo
O Elo Amigo foi um dos ganhadores entre 1071 projetos inscritos na terceira edição do Concurso Itaú Excelência Social que pela primeira vez, contou com inscrições de todos os estados brasileiros (Jovens em formação agroecologica em Jucás-Ce)
O Banco Itaú anunciou no último dia 17 dezembro de 2007, o resultado da terceira edição do Prêmio FIES, que repassa o equivalente a 50% da taxa de administração do Fundo Itaú Excelência Social para Organizações Não-Governamentais que desenvolvem projetos sociais na área de educação. Superando os números das edições anteriores, o concurso selecionou 20 projetos que prestam atendimento a crianças, adolescentes e jovens ou atuam na formação de educadores nas categorias: Educação Infantil, Educação para o Trabalho e Educação Ambiental. Foram contemplados projetos de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Ceará, Bahia, Maranhão e Rio Grande do Sul. Cada ONG receberá R$ 166.356,89, totalizando mais de R$ 3,3 milhões em premiações.

Pela primeira vez, o Concurso FIES contou com inscrições de todos os estados brasileiros, totalizando 1071 projetos cadastrados, número 56% maior em relação aos participantes de 2006. A inscrição exigiu de cada ONG planejamento, estruturas definidas e um histórico de atuação junto às comunidades locais. Elas tiveram a sua capacidade de gestão avaliadas sob diversos aspectos: sustentabilidade política, financeira e técnica; composição, formação e experiência profissional das equipes das organizações; relevância do projeto frente ao contexto local; resultados pretendidos e potencial de transformação local.

A escolha dos 20 projetos - nove sobre Educação para o Trabalho, sete sobre Educação Infantil e quatro sobre Educação Ambiental - foi feita pelo Conselho Consultivo do FIES, formado por especialistas do mercado, dirigentes do próprio Itaú e entidades de destaque na área de sustentabilidade.

Segundo o coordenador executivo do Elo Amigo, Eleudson Queiroz, o prêmio do Fundo Itaú Excelência Social, foi um belo presente de Natal! Mais do que o valor em dinheiro, ele tem uma importância fundamental para o Elo Amigo, porque é uma premiação bastante concorrida em nível nacional e que possibilita a abertura de portas de potenciais parceiros. “Que bom se estas parcerias começassem pelas empresas e prefeituras locais e pelo Governo do Estado. Assim, ampliaríamos ainda mais a possibilidade de conquistar novas premiações e apoio para projetos de entidades externas à região. Afinal, foram apenas 20 organizações premiadas em todo o país e 9 na categoria em que concorremos”, ressalta Eleudson.

Sobre o Fundo - O Fundo Itaú Excelência Social foi lançado em 2004 com foco no investimento em ações de empresas com práticas sociais e ambientalmente responsáveis. O FIES contempla variáveis que dizem respeito às relações de trabalho com a comunidade e com consumidores/clientes e à preocupação e os esforços dessas empresas no cuidado e proteção do meio ambiente. Avalia também o grau de transparência e segurança na divulgação de informações sobre a empresa e a responsabilidade dos controladores perante os minoritários. O FIES tem hoje uma carteira composta por ações de 18 empresas e uma rentabilidade bruta acumulada de 254,63% entre 03/02/04 e 30/11/2007. O fundo possui como benchmark o ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial) e um patrimônio de R$ 515 milhões, ocupando posição de destaque nas modalidades de investimentos socialmente responsáveis.

Confira abaixo os projetos selecionados

Categoria - Educação Infantil

1. Associação Beneficente ARCO
Localidade: São Paulo - SP
Projeto: Educação Integral da criança com ênfase no sucesso de sua inserção à vida escolar.
Público Beneficiário: 110 crianças de 1 a 6 anos
Resumo: Oferece estímulos para o desenvolvimento integral das crianças, desde uma boa alimentação e cuidados com a higiene e saúde, a atividades lúdicas e de raciocínio que desenvolvam a capacidade de assimilação de conhecimentos e convivência social

2. Associação para Saúde - Núcleo Salus Paulista - SALUS
Localidade: São Paulo – SP
Projeto: Pedagogia e Educação Nutricional
Público Beneficiário: 65 crianças de 0 a 5 anos e 11 meses
Resumo: Atendimento a crianças desnutridas.

3. Centro Popular de Cultura e Desenvolvimento - CPCD
Localidade: Belo Horizonte – MG
Projeto: Cidades Crianças
Público Beneficiário: 1.210 crianças de 0 a 6 anos
Resumo: Disseminação de alternativas pedagógicas e culturais, com a promoção da educação popular e desenvolvimento comunitário a partir da cultura, tomada como matéria-prima de ação institucional e pedagógica.

4. Comunidade Inamar Educação e Assistência Social
Localidade: Diadema - SP
Projeto: Transformando a Escola, Preparando para Vida!
Público Beneficiário: 500 educadores
Resumo: O projeto promove quatro treinamentos anuais de uma semana e planejamentos quinzenais, para professores e profissionais (psicólogos, fonoaudiólogos etc) da rede pública, de escolas particulares e de outras entidades, quando é distribuída uma apostila detalhada das atividades a serem realizadas com as crianças nos 15 dias subseqüentes

5. Grupo de Apoio às Comunidades Carentes
Localidade: Fortaleza – CE
Projeto: Estimulação do Desenvolvimento Infantil
Público Beneficiário: 338 crianças de 6 meses a 6 anos
Resumo: Atende crianças que apresentam atraso no desenvolvimento neuropsicomotor, sócio-afetivo e/ou necessidade especial.

6. Instituto Cactus de Educação e Cultura
Localidade: São Paulo - SP
Projeto: Formação de Educadores Populares Infantis
Público Beneficiário: 20 educadores/as
Resumo: Espaço de intervenção e pesquisa em educação infantil, formação de educadores para a reflexão acerca das teorias já existentes sobre educação na perspectiva da produção de novas teorias e práticas em educação popular infantil

7. Movimento Renovador Paulo VI
Localidade: Embu Guaçu – SP
Projeto: Ler é viver, pensar e interagir
Público Beneficiário: 172 crianças de 3 a 6 anos e 151 crianças e adolescentes de 7 a 15 anos
Resumo: Ações de incentivo à leitura, como por exemplo, leituras compartilhadas com as famílias, contação de histórias na biblioteca municipal e parque ecológico municipal.

Categoria - Educação Ambiental

1. Associação Mico Leão Dourado
Localidade: Casimiro de Abreu – RJ
Projeto: Redescobrindo a Mata Atlântica
Público Beneficiário: 150 educadores, 4.140 crianças e adolescentes
Resumo: Capacita professores visando à implementação da Educação Ambiental nas escolas, sensibilizando professores e alunos para a conservação da Mata Atlântica, através de atividades teóricas e práticas.

2. Catavento – Comunicação e Educação Ambiental
Localidade: Fortaleza – CE
Projeto: Catadores de Sonhos - o rádio educativo na construção da cidadania ambiental
Público Beneficiário: 30 crianças e adolescentes - de 7 a 17 anos
Resumo: Mobilização comunitária pela cidadania ambiental, utilizando a rádio-escola como instrumento educativo, com a implantação de um programa comunitário de coleta seletiva de resíduos, possibilitando o aumento de renda dos pais catadores de materiais recicláveis, melhorando suas condições de trabalho e evitando a entrada de crianças e adolescentes no trabalho infantil.

3. Instituto Joazeiro de Desenvolvimento Sustentável
Localidade: Fortaleza – CE
Projeto: Centro de Referência em Alimentação Sustentável para Redução da Desnutrição Infantil
Público Beneficiário: 6.941 crianças, adolescentes e jovens de 3 a 21 anos
Resumo: Implantação de um Centro de Referência em Alimentação Sustentável - práticas de agricultura urbana e manipulação, preparo e cocção de alimentos visando à redução da desnutrição e da mortalidade infantil.

4. Projeto Curicaca
Localidade: Porto Alegre – RS
Projeto: Ação Cultural de Criação Saberes e Fazeres da Mata Atlântica
Público Beneficiário: 350 crianças e adolescentes de 8 a 15 anos
Resumo: Realiza atividades seqüenciais (vivências no ambiente natural, brincadeiras e jogos cooperativos, trilhas interpretativas, arte e expressão, reflexão ambiental, etc) buscando desenvolver todos os potenciais das crianças e adolescentes, a percepção de si mesmo, dos outros e da natureza.

Categoria - Educação para o Trabalho

1. Associação de Apoio ao Projeto Quixote
Localidade: São Paulo – SP
Projeto: Inclusão de jovens em situação de risco: conceitos e manejos
Público Beneficiário: 60 educadores
Resumo: Formação de educadores e técnicos que atuam com jovens em situação de risco social. Os conteúdos discutidos durante o curso buscam cercar conhecimentos básicos sobre a situação de risco dos jovens atendidos e que interferem em sua forma de se relacionar com o mundo e na sua inserção e manutenção no mercado de trabalho.

2. Associação Educacional e Assistencial Casa do Zezinho
Localidade: São Paulo – SP
Projeto: Educação de Jovens para o Século XXI
Público Beneficiário: 360 jovens de 15 a 24 anos
Resumo: Além do ensino de competências básicas, os jovens escolhem uma oficina de arte e uma oficina de capacitação profissional. Ao término do projeto, os jovens têm acesso a um sistema de microcrédito.

3. Centro de Cultura Negra do Maranhão - CCN
Localidade: São Luís – MA
Projeto: Projeto CRER - Capacidade, Responsabilidade, Empoderamento e Realização
Público Beneficiário: 83 jovens de 15 a 24 anos
Resumo: O projeto visa qualificar os jovens nas áreas de serigrafia, montagem e manutenção de computadores e penteado afro, e fortalecer sua participação em espaços sociais.

4. Centro de Educação para o Trabalho Virgilio Resi
Localidade: Belo Horizonte - MG
Projeto: Educar para aprender. Aprender para Trabalhar
Público Beneficiário: 520 jovens de 16 a 24 anos
Resumo: Oferecer aos jovens uma formação profissional em concomitância com o ensino médio e em estreita ligação com o mundo do trabalho. O objetivo é ampliar os conhecimentos e as competências para o trabalho, alargar o universo cultural, estimular a capacidade criativa e sustentar o empenho do jovem.

5. Fundação Francisca Franco
Localidade: São Paulo – SP
Projeto: Fazendo Moda
Público Beneficiário: 130 jovens de 16 a 24 anos
Resumo: Proporcionar formação profissional na área de moda e novas formas de geração de renda para jovens em situação de exclusão social, sem necessariamente depender da empregabilidade e escolaridade.

6. ImageMágica
Localidade: São Paulo – SP
Projeto: Curso Profissionalizante de Fotografia - CPF
Público Beneficiário: 60 jovens de 17 a 22 anos
Resumo: Capacitar os jovens na área de fotografia e criar um Núcleo de Prestação de Serviços para que os jovens possam atuar como prestadores de serviços fotográficos na sua comunidade.

7. Instituto Aliança com o Adolescente
Localidade: Salvador – BA
Projeto: Com.domínio Digital na Escola-Educação Profissional de Jovens Protagonistas
Público Beneficiário: 572 jovens de 16 a 22 anos
Resumo: Visa ampliar as oportunidades de geração de renda para jovens, por meio da sua capacitação para o mundo do trabalho com foco em tecnologias da informação.

8. Instituto Elo Amigo
Localidade: Iguatu – CE
Projeto: Agro ecologia familiar
Público Beneficiário: 503 jovens de 16 a 29 anos
Resumo: O projeto foca o desenvolvimento da agricultura familiar em conjunto com a conservação do meio ambiente (agroecologia).


9. Instituto Palmas de Desenvolvimento e Socioeconomia Solidária
Localidade: Fortaleza – CE
Projeto: Bairro Escola de Trabalho
Público Beneficiário: 623 jovens de 14 a 24 anos
Resumo: Capacitar os jovens para atuarem nos comércios locais ou abrirem seus próprios empreendimentos. 


0
0
0
s2sdefault